Símbolo do Espírito Santo_Água

Água, Valorize!
Espírito Santo


"Pois Deus não nos chamou para a impureza. mas para a santificação. Portanto, quem rejeita estas coisas, não rejeita ao homem, mas sim a Deus, que vós dá o seu Espírito Santo " (1 Tessalonicenses 4:7-8)


Entre os três membros da santíssima Trindade, o Espírito Santo, em particular, exerce a função de santificador e purificador, como seu próprio nome indica. Ele é o poder que produz santidade e pureza nos crentes. Ele os afasta dos pecados desta terra, onde espíritos imundos agem praticando o mal nos filhos da desobediência. Com este espírito de santidade podemos distinguir o espírito que pertence a Deus do espírito que pertence a Satanás.





"Jesus pôs-se de pé, e clamou: Se alguém tem sede, venha a mim e beba. Quem crê em mim, como diz a Escritura, do seu interior fluirão rios de água viva"
(João 7: 37-38).



Em muitas passagens da Bíblia a água é usada como símbolo do Espírito Santo. Porque essa metáfora é adequada? Se observarmos a relação que existe entre a água e a vida humana poderemos entender muitas coisas sobre o Espírito Santo.



Primeiro, a água é indispensável a preservação da vida. Um ser humano é composto de 60% de água. Se ouver desidratação provocada por vômitos ou diarréia a pessoa corre o risco de perder a vida física. De modo similar, o Espírito Santo é indispensável à nossa vida espiritual. Nascemos de novo dele (João 3:5), e bebendo dele continuamente (1 Coríntios 12:13), podemos preservar nossa vida espiritual. Através do Espírito Santo nos tornamos vigorosos, fortes, podendo desfrutar vida plena sem jamais sentir sede (João 4: 13-14).



A água é também indispensável para limpeza do nosso corpo. Se não tivermos acesso à água por tempo prolongado, nos tornaremos doentes, podendo até mesmo morrer, devido as complicações pela falta de higiene. Não é verdade? Todos os dias lavamos nosso corpo, nossas roupas, utensílios de cozinha, etc. Assim nossa vida espiritual deve ser lavada também pelo Espírito Santo. Por certo, somos limpos de nossos pecados ao crermos no sangue precioso de Jesus; mas o Espírito Santo_ como se nos lavasse com água_ refrigera-nos, renova nossos corações afim de que possamos seguir em frente com vidas limpas, regeneradas (Tito 3:5).



O Espírito Santo é origem de vida para aqueles que são obedientes; porém ele é o Espírito de julgamento, uma torrente consumidora para os desobedientes.



Nos dias de Noé, Deus usou o dilúvio condenando o mundo por seus pecados e desobediência (Gênesis 7).

Deus julgou Faraó e seu exército, destruindo-os no mar Vermelho (Êxodo 14:28).

Em Atos 5, Ananias e Safira morreram ao serem julgados pelo Espírito Santo, pois lhe haviam mentido.

Atos 13:18-13 conta a história de Elimas, uma mágico que se tornou cego pelo Espírito Santo quando se opôs à pregação do evangelho por Paulo.



E não entristeçais o Espírito Santo de Deus, no qual fostes selados para o dia da redenção" (Efésios 4:30)

Nenhum comentário

Contact

Instagram

Postagem em destaque

Como criar o hábito de guardar dinheiro?