Símbolo do Espírito Santo_Óleo




“Assim tomou Samuel o vaso de azeite, e ungiu-o no meio de seus irmãos, e daquele dia em diante o Espírito do Senhor se apoderou de Davi” (1 Samuel 16:13). “E a unção que recebestes dele, fica em vós” (1 João 2:27).

Através do Antigo e Novo Testamentos o Espírito Santo é simbolizado pelo óleo. Mais uma vez, outro símbolo pode revelar-nos como ele age.

Primeiro, lugares e pessoas ungidos são santificados, separados para Deus. Deus mandou Moisés santificar o tabernáculo da congregação, a arca da aliança, todos os instrumentos e o altar com a unção do óleo (Êxodo 30:25-29). Moisés também ungiu Arão e seus filhos, consagrando-os para ministrar o sacerdócio (Êxodo 30:30). Deus falou a Samuel que ungisse Davi como rei (1 Samuel 16:13). E Elias ungiu Eliseu para ser profeta (1 Reis 19:16).

Hoje, aqueles que crêem no Senhor Jesus Cristo, são transformados por Deus numa geração escolhida, num sacerdócio real, numa nação santa e num povo de Deus pelo unção do Espírito Santo (1 Pedro 2:9). Ninguém pode receber tamanha graça sem ser revestido pelo poder do Espírito Santo.
Nascemos de novo pelo Espírito Santo e recebemos a função de profeta, por meio da qual pregamos a palavra. Um dia nós reinaremos com Cristo, ungidos pelo Espírito Santo. Como podemos deixar de agradecer a Deus?

Segundo, o óleo era necessário para abastecer os sete candelabros de ouro_ portanto, do óleo. Do mesmo modo só pela luz brilhante da unção do Espírito Santo, o mundo espiritual poderá ser revelado a nós.
Assim como nenhuma outra luz era permitida no lugar santo, do mesmo modo só a luz do óleo do Espírito pode iluminar a palavra de Deus_ o segredo do lugar santo celestial.


Terceiro, o óleo restaura desgastes e danos produzidos pela ficção de partes que se atritam. Como poderíamos lubrificar o espírito humano, dilacerado pelas discórdias sem fim? Por que igrejas e cristãos hoje são tão destruidores? É porque não tem recebido a unção do Espírito Santo. A lubrificação com o óleo da paz, amor e cura, acontece quando somos cheios com o Espírito.

Quarto, óleo é um ingrediente necessário para a preservação da vida. Por que os espíritos de alguns crentes têm-se tornado secos como os ossos no vale da visão de Ezequiel? Por que a igreja está definhando, tanto em qualidade quanto em quantidade?
É porque os cristãos não têm recebido o óleo do Espírito Santo, a nutrição celeste indispensável ao nosso espírito. A história e a realidade provam claramente que, tanto igrejas como cristãos, quando cheios do Espírito Santo são bem nutridos. Isso acontecia no passado e assim continuará sempre.
Texto retirado do livro Espírito Santo meu companheiro, David Yonggi Cho

Nenhum comentário

Contact

Instagram

Postagem em destaque

Como criar o hábito de guardar dinheiro?