Jesus Virá de Novo


Até aqui temos posto nossos pensamentos na Palavra para podermos orar com Jesus nos ensinou. Tendo Jesus dentro de nós, podemos pedir que em nome do Pai e a vontade de seu reino sejam glorificados em nossas vidas. Podemos orar ao bom Deus que nos dê o pão nosso de cada dia, que perdoe nossos pecados e nos livre do mal. Mas termina aqui nossa súplica? Não. No final de sua oração Jesus nos ensinou como pensar quanto ao mundo futuro. Vejamos esses pontos.

O Reino, o Poder e a Glória

"Pois teu é o reino, o poder e a glória para sempre."
O significado desse versículo, Mateus 6:13, é que o reino, o poder e a glória deste mundo _ passado, presente e futuro_ pertencem a Deus. O governate supremo de todas as coisas é o Pai. O rei Davi, o mais corajoso e o maior dentre os reis de Judá, louvava ao Senhor paralelamente a estas linhas quando transferiu seu trono para o Salomão, confiando-lhe a tarefa de contruir o templo de Deus.

Tua, Senhor, é a grandeza, o poder, a honra, a vitória e a magestade; o porque teu é tudo quanto há nos céus e na terra; teu, Senhor, é o reino, e tu te exaltaste por chefe sobre todos. Riquezas e glória vêm de ti, tu dominas sobre tudo, na tua mão há força e poder; contigo está o engradecer e a tudo dar força (1 Crônicas 10:11,12).

Deus retém toda a autoridade em suas mãos hoje, e tomará para si próprio no último dia para edificar o seu reino, a saber, o novo céu e a nova terra. Consequentemente, quando oramos "pois teu reino, o poder e a glória, para sempre", devemos retratar o novo céu e a nova terra que serão criados pelo soberano poder divino. É especialmente importante sabermos com precisão o que acontecerá nos últimos dias a fim de podermos orar e viver de acordo com a vontade de Deus, visto que sua vinda está próxima.

Quando Jesus olhava para o templo de Jerusalém, seus discípulos lhe perguntaram: "E que sinal haverá da tua vinda e da consumação do século?" (Mateus 24:4-6).
Ele prosseguiu dizendo que haverá pertubação mundial e que a perseguição virá sobre aqueles  que crêem nele. Haverá fomes e tremores de terra. O evangelho será pregado em todo o mundo para testemunho e todas as nações. Então virá o fim.

Dois mil anos já se passaram desde que os discípulos fizeram a Jesus essa pergunta no Monte das Oliveiras. Tanto a história como a experiência indicam que todos esses sinais profetizados dos últimos estão-se desenrolando. Mais falsos profetas têm surgido do que em qualquer outra época da história. Perseguem a igreja, o corpo de Cristo, e a tentam enganar. Guerras, perseguições e terremotos têm inrrompido, e o evangelho de Jesus Cristo esta sendo pregado em todas as nações do mundo. O fim, a que nosso Senhor se referiu em sua profecia, está 2.000 anos mais próximo do que quando os discípulos viviam. E agora ainda podemos fazer a mesma pergunta a Jesus: Senhor, "e que sinal haverá da tua vinda e da consumação do século?"
A Bíblia revela o que acontecerá nos últimos dias, e qual o plano para o fim do mundo.





Nenhum comentário

Contact

Instagram

Postagem em destaque

Como criar o hábito de guardar dinheiro?